Popular entre as décadas de 50 e 70, a blusa de gola alta (ou rolê) era um item bem presente no guarda-roupa masculino e especialmente de grandes estrelas como Robert Redford, Steve McQueen, Miles Davis e Elvis Presley. Ambos deram à peça uma imagem “cool” e que de acordo com as fotos não podemos negar.

Mas será que nos dias de hoje essa moda ainda pega?

Passarelas e editoriais vem apresentando cada vez mais a blusa de gola alta como uma peça de estilo. Já foi destaque em revistas como GQ e na passarela de Ermenegildo Zegna. Além dos looks bem inspiradores que separei para vocês, vale considerar algumas regrinhas antes de se jogar nessa antecipadíssima tendência.

1- Há opções em linha (como os suéters) e algodão, que para o nosso clima pode ser mais agradável.
2- A blusa de gola alta fica melhor quando usada por baixo de algo, como um blazer, suéter ou jaqueta. Mesmo sabendo que Steve McQueen usou sem nada e arrasou!
3- A blusa de gola alta preta é a versão mais clássica da peça. Além disso, é a que mais alonga sua silhueta e isso faz com que você pareça mais magro.
4- Vale usar para dentro da calça (se for de um material mais leve e maleável) e para fora. Caso use para fora tome cuidado para não usar uma peça muito comprida.
5- Não use correntes e colares por cima da blusa. Evite acessórios em geral. A peça já é uma declaração fashion por si só e não precisa de nada para complementá-la.

A gola alta vem aí e pode ser a sua escolha de estilo (assim que o clima colaborar).

Depois dessas dicas é sempre bom lembrar que o espelho e auto-crítica são seus amigos verdadeiros. Não se esqueça de consultá-los antes de sair de casa.






Escrito por Luiza Rocha