Segundo a pesquisa relizada pela Pitney Bowes Inc (NYSE;PBI), chamada “Pitney Bowes Global Online Shopping Survey”, 91% dos brasileiros que participaram da pesquisa fazem compras online. Ou seja, a gente gasta mesmo, e até com crise no país, a gente dá aquele jeitinho pra não ficar pra trás e acompanhar a moda por um preço mais acessível. Por isso a Black Friday ganha cada vez mais força no Brasil. Além de ser a chance das lojas de desafogarem estoque sem rotação, também é a oportunidade dos consumidores de pagar menos pelo produto que querem/precisam.

Primeiro, a atenção é voltada para os preços, correto? Mas muitas compras são feitas por impulso, porque a gente sempre acha que aquilo compensa muito. Mas será que a gente vai usar mesmo? Será mesmo que vale a pena comprar só porque tá barato? As compras online em geral são uma faca de duas pontas, você tem a comodidade para comprar da maneira mais rápida, mas também pode se dar mal se não pesquisar bem o que você está precisando/querendo.

Uma dica importante é pensar na peça que você ainda não tem. Ou um acessório que era o que faltava pra você se sentir completo, como um relógio, ou uma bolsa bacana. O que você pode comprar de diferente que você não poderia se estivesse com o preço de outra época do ano? Ou até, você tem tanta coisa diferente, que esquece do básico? Pense nisso. Pesquise desde já e salve vários e-commerces nos favoritos do seu navegador.

Escrito por Felipe Cavalcante
Criado no mercado multitasking da comunicação, fã de boas histórias e obcecado por street style. Acredita no poder da arte que junta moda, cinema, música e design.