Você não é o que você veste

robin

“Azul é para meninos e rosa é para meninas”. Ok, desde pequeno você cresceu ouvindo isto. E agora que você está crescido, quando o drama das cores passou, começa o drama das peças. Se eu usar isso vai parecer que eu sou gay?”

Perdi as contas de quantas vezes já me perguntaram ou escreveram sobre isso. E, pior, quando você ouve comentários sobre o seu próprio namorado:Cuidado, se você der esta roupa para ele, vai que ele começa a gostar de outras coisas hein. O quê? E aquele silêncio que é peculiar em seguida.

Podemos parar de uma vez por todas com essa classificação estúpida, geralmente incentivada por familiares e amigos sem o menor senso fashion. Gente, é preciso ignorar e até rir destas pessoas. Sempre me pergunto, como uma pessoa sem referências e conhecimento pode querer falar algo de outra? Achar que tem o knowhow para fazer algum deboche… fico realmente indignada.

Não existe roupa “de gay”. E vem cá, se você realmente está com medo de que as pessoas achem isso, será que você está preocupado demais se não tem motivo? E digo mais: se falarem que você está com roupa “de gay” (como eu odeio essa expressão!) sinta-se elogiado. Os homossexuais são geralmente os mas bem vestidos ever.  E o sonho de toda mulher é ter um namorado que fosse tudo que um gay costuma ser, exceto por preferir homens.

Portanto use e abuse de decotes, calça skinny, roupa clara, barra dobrada, terno slim, texturas, estampas, sapatos diferentes, acessórios e cabelos ousados. Você não vai ser nem um pouco mais macho se sair com a calça caindo no meio da bunda e um tênis imundo.

E de uma vez por todas, avise sua família, namorada e amiguinhos para estudar um pouquinho mais antes de fazer piada. Afinal, as pessoas é quem precisam rever seus conceitos e não você as suas roupas.

Post criado 177

24 comentários em “Você não é o que você veste

  1. Concordo plenamente.Os ingnorantes tem sempre uma crítica destrutiva quando se trata digamos da ousadia masculina no quesito vestuario.Não me importo com o que as pessoas acham,se eu estiver me sentindo bem… uso.

  2. concordo plenamente 2. ja cansei de ouvir esse tipo de comentário e acho que quem se sente seguro com sua masculinidade não tem por que não usar o que der vontade.

  3. Parabéns pelo post!
    Se “o sonho de toda mulher é ter um namorado que fosse tudo que um gay costuma ser, exceto por preferir homens.”, meu sonho é achar uma mulher que valorize isso.

  4. Nusssa q post 10!!! E isso ai, tem pessoas como ja vimos ateh aki no site, que classifica as roupas entre de homens e de gay. Nada a ver pessoal, e não sei se perceberam, o que chamam de roupa de gay sao os que mais gostaram do look, e mt vezes copiam igual!!!!
    Se liga manés!!!

  5. Adorei o texto, e é por aí mesmo!
    As pessoas deveriam se informar mais antes de fazerem certos comentários e sinceramente… CHEGA dessa repressão que os meninos sofrem… liberdade de vestuário para todos! o/
    ninguém é mais homem ou menos homem pela roupa que usa, tudo é muito simbólico, mas a essência da pessoa não está na roupa e sim a expressão dela

  6. De fato o que você disse é correto! Odeio ser taxado pelo que visto,mas, querendo ou não o que a gente veste muitas das vezes reflete a nossa personalidade.

  7. É interessante que em pleno século XXI as pessoas ainda se prendam a referencias preconceituosas como essa… Moda é expressão…

    LIBERDADE DE EXPRESSÃO!!!!

  8. Heheh, concordo com todos!
    Se não só o homem como qualquer pessoa viver pensando no que os outros vão pensar, essa pessoa não VIVE de fato, ou pelo menos não é que o é.

    Então, PARA de deixar de usar algo pq um ou outro vão falar ISSO ou AQUILO, se vc está BEM vestido qual o medo?

    Até hoje vejo homens falando mal do rosa, babacas, mal sabem eles que as mulheres adoram. ;D E quando falam: “Isso é Gay de mais” então digo “Humm então é bom mesmo!” Hauheuhaeh… Este só é mais um tabu que em pouco tempo acaba, isso aconteceu com as mulheres quando começaram a usar calças, se lembram?

    E como diria a Michele Pfeiffer em ‘Nunca é Tarde para Amar’: “Quando muita gente parece ridícula, começa a parecer normal.” ;)

  9. A cada dia que passa o moda masculina está sendo aceitada no brasil, porém há muito preconceito. Muitos ao ver um homem bem vestido e elegante, acabam tendo visão e pensando que é ” HOMOSSEXUAL”,, não é que eu tenha nenhum preconceito, mas a maioria dos homens com estilo diferenciado é visto com “GAY”, sofro muito preconceito, mas acredito que um dia esse preconceito acabará. Um exemplo é a calça skinny, há um tempo atráz o sociedade a o rekeitava e simplesmente hoje ela está sendo aceita e acabaram ganhando a vitrine de diversas marcas brasileiras.

  10. Você não é o que você veste [2]
    Achei o blog hj e estou adorando! Quanto ao tema acima, isso é completamente preconceituoso, nada a ver uma roupa dizer o que você é ou não. Isso é coisa de quem não tem o que fazer e quem não tem estilo! Quando comprei minha primeira calça skinny, até minha mãe achou ruim =/

  11. Eu nem tinha visto esse post aqui, mas Erica você disse tudo *-*
    Nossa amei de verdade, e concordo com cada palavra. Patético isso, a masculinidade não está nas roupas ou em qualquer coisa que usamos.

  12. PRIMEIRO VEM O BRINQUINHO / DEPOIS FAZER UMA TATUAGEM / DEPOIS DEPILAÇÃO / DEPOIS USAR CALÇA SKINNY / DEPOIS DAR O CUUU …. (Não necessariamente nesta ordem !!!)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
A importância do Setembro Amarelo O Pop-Punk está voltando à moda! PEÇAS QUE AS MULHERES ODEIAM NOS HOMENS Old Money: A estética ‘Rico Vintage’ Truques de estilo para homens gordinhos