Tendências de Outono/Inverno da Gringa mas que já podemos adotar!

Há uns 3 anos os desfiles estavam retirando a questão das estações e as peças estavam vindo com o lema “SEE NOW, BUY NOW”. Pelo visto não deu muito certo e as marcas voltaram a aderir ao conceito das estações.

Aqui embaixo (hemisfério sul) tá frio. Lá em cima (hemisfério norte) tá calor. Mas já rodaram os desfiles da próxima estação (outono/inverno) e nós já sabemos quais as tendências lá que poderão ser usadas aqui.

As silhuetas estão desenhando os corpos.

Já há algum tempo com os pés no oversized, já era de se esperar que isso, por ora, mudaria e que entraríamos no polo oposto. Pois bem, as silhuetas estão voltando a ficar marcadas através de peças mais ajustadas.

Cinturas bem marcadas e ombros com ombreiras para realçar a escultura dos corpos.

Para peles e pelos, opte pelo carneiro!

O famoso shearling que é aquela pele de carneiro mais novinho, com até 1 ano de idade, fake ou não, compôs peças inteiras, bolsos e lapelas, de jaquetas, casacos e sobretudos.

O rosa está em alta.

O rosa, seus tons e subtons, estão em alta. Looks inteiros foram criados na cor, principalmente dentro da alfaiataria.

O futuro a Deus pertence!

O futuro é aqui e agora. E muito do presente refletiu em peças e coleções. Metaverso, wearables, tecnologia, desastres ambientais e sociais. Tudo isso ganhou espaço em coleções

Streetwear dá lugar a roupas de esporte.

Perceba que pode rolar uma confusão aí. Ambas são roupas esportivas, mas o streetwear engloba mais peças urbanas, com jeans e uma pegada jovem e moderna. Já as peças esportivas que se baseiam em esportes ricos e caros, como hipismo e golfe, primam pelo conforto, tecidos mais leves e soltos.

Calça de couro é o que você precisa botar nas pernas.

Couro, fake ou não, é um tipo de material que combina com o inverno. Mas parece até que os desfiles combinaram. As marcas investiram pesado em calças de couro.

Uma inspiração nas armaduras medievais.

Até a pandemia estávamos bem down quanto à vestimenta. Tudo simples, beirando ao pijama, com conforto e nada de firulas.
Pois bem, que agora queremos peças mais rebuscadas, trabalhadas e com design que fale por si só.

Muitas peças baseadas em armaduras medievais ou militares ou para guerra foram vistas em cena.

Transparência de inverno.

Sempre foi muito comum ver transparência no verão. Mas todos “verão” transparências de inverno, mesclando romantismo com sensualidade.

A cor que chamou a atenção foi o vermelho.

Vermelho até pode ser uma cor de inverno, mas geralmente não é. Pois é, mas será pelo menos no hemisfério norte e no próximo outono/inverno. Vermelhou tudo quanto foi peça e coleção. Essa será a cor da estação.

Aproveitando que estamos no inverno já podemos ir aproveitando as tendências do ano que vem de lá, aqui. Sempre bom saber o que tá na moda e já garantir peças que poderão durar mais de uma estação. Afinal, iremos copiá-los no próximo outono/inverno.

Ariano. Apaixonado por moda masculina e música eletrônica. Advogado. Jornalista de moda e blogueiro nas horas vagas.
Post criado 625


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
Corte Americano Masculino Como Usar Calça Caqui Masculina 5 Perfumes Masculinos com Feromônios! Como se tornar um homem mais atraente Risco na Sobrancelha está em alta