Como funciona o implante (transplante) de barba

A barba, nos últimos 10 anos, tem sido referência de estilo entre os homens. Comprida, rala, bigode, com degradê e por aí vai. Não se sabe até quando os rostos peludos vão perdurar no nosso cotidiano, porém estamos em pleno ‘boom’ de barbearias, barbeiros, barbershops e de um amplo comércio de produtos para cuidados pessoais com ela.

Assim como um dia o permanente esteve na moda, rostos lisos estamparam a cara dos caras, o alisamento passou com tudo na cabeça da galera, hoje sabe que ter pelos no rosto e deixar uma barba bonita e bem cuidada é o que há.

Pois é… E, diferentemente do cabelo, não há calvície de barba. Uns tem, outros não. Algumas possuem falhas, outras têm volume por completo. E há aqueles caras que não possuem nada. Você não as perde por n fatores como acontece com o cabelo.

Como já tratamos aqui, o Minoxidil é uma forma de preencher e dar volume a sua barba, desde que você tenha os folículos dos pelos. E como você sabe se os têm? Passando por uma consulta no dermatologista, é claro.

Se o seu dermato identificar que nas regiões onde há falhas ou há ausência de barba não há folículo piloso, pois bem, não há Minoxidil que resolva. Só o transplante ou implante de barba pode lhe ajudar e há 2 formas de fazê-lo.

Implante de pelos da própria barba

Há pessoas que possuem falhas em locais específicos de barba, mas que na região do pescoço possuem muita barba. Esses fios da região do pescoço podem ser retirados e colocados para preencher as falhas (no rosto, por exemplo). É o mais indicado. Apenas realocar os fios de um local para o outro.

Implante de pelos do cabelo

Tem caras que têm muito cabelo. Então, outra opção seria retirar do couro cabeludo e colocar na barba. Porém se a pessoa também sofre com calvície, vai ter que optar por ficar careca ou sem barba. Uma das duas coisas.

A escolha do método ideal para você depende da escolha de um bom dermatologista que irá orientá-lo melhor sobre o que fazer (e qual a técnica que será utilizada).

Alguém aqui se arriscaria?

Diogo Rufino Machado

Ariano. Apaixonado por moda masculina e música eletrônica. Advogado. Jornalista de moda e blogueiro nas horas vagas.

Deixe seu comentário:

Posts recentes

Inspiração: Trench Coat

Umas das tendências para os dias mais frios é o Trench Coat. Pensando nisso, trouxe…

% dias atrás

Converse lança tênis estampado do Woodstock (Snoopy)

Fã de Converse? Ou Fã de Snoopy e Cia? Certo é que você pode ser…

% dias atrás

5 principais erros sobre Perfumes que muitos homens cometem

Apesar de muitos homens usarem perfume diariamente, existem alguns erros que a maioria ainda comente…

% dias atrás

Dicas de moda masculina que vão melhorar seu visual

A velha máxima do "sempre dá para melhorar" vigora para todo o sempre. E é…

% dias atrás

Ephemeral: A tatuagem que desaparece depois de um ano

O conflito de muitas pessoas ao decidir fazer uma nova tatuagem ou mesmo a primeira…

% dias atrás

Tendências de Outono/Inverno da Gringa mas que já podemos adotar!

Há uns 3 anos os desfiles estavam retirando a questão das estações e as peças…

% dias atrás