Sabe o que usar em todas as estações? O seu PODER DE VOTO!

A revolução não será televisionada, não será no vão do Masp, na Usp e muito menos somente via internet. A revolução será dentro de cada indivíduo e pode ser iniciada na hora da escolha dos nossos candidatos políticos.

Voto eletrônico?

A revolução acontecerá quando a gente não precisar mais invadir prédios, mas sim transformar e inspirar mentes. Você não precisa gostar de política, mas é importante entendê-la. Só assim saberá usar o seu poder de voto!

Ninguém escolheu o atual reitor da Usp, mas escolhemos o político que o colocou lá.

Se eu e um grupo de amigos invadirmos um prédio de uma universidade particular, também seremos tirados de lá a força, nenhuma “desocupação” é feita de forma pacífica… afinal, quem está “ocupando” também está lá a força.
NADA JUSTIFICA A VIOLÊNCIA FÍSICA, isso é óbvio! Nossa polícia é totalmente mal remunerada, mal treinada e paus mandados dos engravatados do poder.

Toda esta história da Universidade de São Paulo, que alguns dizem já estarem de saco cheio, serve para refletirmos sobre os comportamentos sociais, estudantis e de NÓS mesmos.

O que fazemos para melhorar o “sistema”? Eu não me isento disso tudo não, admito que não lembro para quem votei nas últimas eleições, confirmei participar de MARCHAS só pelo facebook, fui em algumas que me decepcionaram (pela falta de organização) e excesso de “auê” da mídia…. mas estou disposto a mudar. Eu vou mudar, para que a sociedade ao meu redor mude também.

Os textos do Gilberto Dimenstein nunca me convenceram, os dos estudantes da Usp que escreveram o que “realmente viram por lá” também não me tocam por inteiro… a violência que estes alunos passaram com certeza foi horrível, mas eles já esperavam por ela, justamente para poderem escrever sobre ela e o quanto somos todos injustiçados.

O Brasil tem memória curta, logo tudo vira piada e o preço do peru de Natal vai ser notícia junto com os preparativos para o Carnaval. Somos bonecos manipulados, mas dançamos felizes. Nossa paixão é pelo futebol e feriados!

Antes tivemos os caras pintadas, hoje temos os “revolucionários” que usam máscaras inspiradas num filme de Hollywood cujo tema é vingança (?). Mas quando tiraremos as máscaras? BRASIL, MOSTRA A TUA CARA!

Não sabemos fazer revolução ainda, somos crianças brigando para saber quem está CERTO e quem está ERRADO, quando na verdade não existe este maniqueísmo. O que existe é a falta de diálogo, falta de equilíbrio, falta de comunicação e acima de tudo, falta de amor: próprio e pelo nosso semelhante ao lado.

Jornalista e produtor de conteúdo. Veja mais no site eaiconteudo.com.br.
Post criado 98

9 comentários em “Sabe o que usar em todas as estações? O seu PODER DE VOTO!

  1. Felippe Canale, não é simplesmente falar que usamos máscaras que somos ”mascarados”, talvez você nunca tenha conversado com um anon ou procurado saber a ideologia do movimento porém o Anonymous tem sua marca própria, que é a máscara do guy fawkes, mas nos movimentos, muitos não as utilizam, não é por ela que nós lutamos, retrate-se por favor quando fala que queremos é simplesmente vingaça, o que queremos é que o sistema mude, o modo de pensar da população mude, e isso não ira aconteçer sem a educação.
    ”A revolução acontecerá quando a gente não precisar mais invadir prédios, mas sim transformar e inspirar mentes. ” , sem utopia que nossos políticos vão investir na educação e a população será inteligente quanto a quem votar, os comandantes de nosso país não querem isso, para poderem assim, usar a populçação como massa de manobra… A propósito, tire a máscara da logomarca desses site, já que você entende que isso é se esconder..

  2. Gabriel Chaves, olá, tudo bem?
    Você parece estar bem equivocado. Não vou me retratar, você parece não ter entendido o meu texto, infelizmente uma má interpretação dá nisso. Também não vamos retirar a máscara do site, ela representa uma brincadeira, coisa que você também não entendeu. Este espaço é público, você tem o direito de opinar, mas nunca de MANDAR em nada. Essa história “importada” do Anonymous não reflete com a nossa política brasileira. Por favor, reflita. Os jovens que realmente farão o futuro do Brasil estavam TRABALHANDO no momento de toda aquela confusão e quando chegaram na faculdade foram impedidos de assistirem as aulas devido ao circo que foi armado por alguns estudantes, polícia e imprensa. Eu sei disso porque estava lá e vi toda a confusão. Se você acha utopia exigir pelos nossos direitos sem que seja usando a força, é uma pena! Um argumento bem colocado vale mais do qualquer invasão! Convença pessoas, una-se em grupos, batalhe por uma causa… mas não tente impor suas ideias, pois desta forma você será apenas mais um ditadorzinho mimado e sem argumentos.
    Vamos nos unir por uma boa causa, e não brigar por uma causa vazia! Vamos nos unir pelo bem coletivo e não por causas particulares. Vamos nos educar, nos informar e respeitar diferentes opiniões. A revolução começará a partir daí!

    Um abraço.

    Felippe Canale.

  3. Hoje quando o pensamento coletivo existe, é para ir de contra uma
    causa que nem mesmo eles sabem o
    que significa. Estamos vivendo uma geração de pessoas que apenas unica e exclusivamente pensam no que é importante para si mesmo.

  4. Felipe concordo com você em vários pontos, e não quis ser groçeiro, dono da verdade, ou achar que mando ou tenho impor algo. Mas há uma contradição entre colocar a máscara na logo e falar que devemos tirá-la, isso que eu quis dizer.
    Não somos simplesmente uma história ”importada”, o que me desagrada e me fez posta anteriormente são colocações como esta. Os jovens do futuro do nosso país, são os mesmos jovens que hoje ocupam as praças de belo horizonte, são paulo, rio de janeiro, em um movimento mundial, que teve sua organização feita pelos anonymous. A idéia que ocorre nas praças é justamente a proposta por você, ”onvença pessoas, una-se em grupos, batalhe por uma causa..” E não acho que seja necessário brigar, lutar, fazer guerra civíl, nada disso, em momento algum eu disse isso. Eu disse que se não for pelo questionamento dos governos nas ruas e nas praças não teremos mudanças mesmo. E talvez serão nesses lugares que nós discutiremos e aprenderemos a votar em quem levará o país adiante, os avanços na política na historia da humanidade foram assim, desde os gregos com sua ”polis” a revolução francesa, e no nosso contexto brasileiro, as diretas já.
    Desculpe se de alguma forma ofendi, ou quis impor, mas gosto de debater, leva ao crescimento.

  5. Pressuposto básico pra quem quer travar um debate mais politizado é saber o mínimo de português… sem querer ser “groÇeiro”… se é que me entendem… =D

    Preciso ressaltar que também estou aqui lutando por uma causa: A luta pelo estudo da língua portuguesa!

    Chega de “groÇeirias” com a nossa língua. Português já!

    (y)

  6. Desculpe pelo erro, mas a questão não é essa. E o que politizado tem haver com um erro de digitação? Um analfabeto então é apolitizado?
    Quanta falta do que fazer, mas pras pessoas se engrandeçerem elas precisam diminuir as outras por uma simples troca de C por Ç… ”Pressuposto básico p’a’ra quem quer travar um debate mais politizado.
    Eu nem acredito que eu leio alguns comentários assim.

  7. “…E o que politizado tem ‘HAVER’…”

    “… mas pras pessoas se ‘engrandeÇerem’…”

    Amigão, vai estudar!
    Um erro básico desses demonstra falta de estudo. Se tu não sabe escrever, provavelmente, vai ter dificuldade em interpretar textos e etc…

    E, sim, analfabetos não são politizados e geralmente acabam manipulados!

    Ps.: também não acredito quando leio comentários com erros como os teus.

Deixe uma resposta para Gabriel Chaves Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
A importância do Setembro Amarelo O Pop-Punk está voltando à moda! PEÇAS QUE AS MULHERES ODEIAM NOS HOMENS Old Money: A estética ‘Rico Vintage’ Truques de estilo para homens gordinhos