Hábitos que pioram as espinhas

Acho que todo mundo já deve ter tido uma espinha que seja na vida. Incomoda demais aquela inflamação na pele que forma uma lesãozinha, deixando o local vermelho e com pus.

Antes de falarmos o que irritam as espinhas, vamos explicar o que elas são. A acne, nada mais é, que o aumento de sebo pelas glândulas sebáceas, isso pode ser hormonal ou pela proliferação de bactérias em torno dos folículos pilosos.

Mas o que será que pioram as espinhas? Elas ficariam irritadas com som alto? Gente que mastiga de boca aberta? Ou seria político chato? Nada disso. Mas coisas simples que pioram as suas espinhas e você nem imagina. Simples hábitos podem mudar tanta coisa.

Lugar de mão não é no rosto.

Primeira dica de todas é não ficar passando a mão no rosto, pois as mãos são feitas para pegar e, por isso, estão constantemente tocando tudo quanto é coisa e tendo contato com muitos objetos, alimentos e superfícies.

Dessa forma, ao levar a mão ao rosto você está levando toda sujeira e micro organismos que estão nela para o seu rosto. Isso pode não só piorar as espinhas, que estão inflamadas em decorrência da ação bacteriana, mas como também dar causa a elas. O primeiro passo para uma pele do rosto saudável é não tocar o rosto.

Mão limpa, sempre.

Há casos que inevitavelmente vamos ter de tocar a pele do rosto, como no nosso skincare, ao aplicar o filtro solar. Por isso, lave sempre as mãos antes de aplicar algo no rosto, pois as mãos limpas deixaram apenas o produto aplicado agir no rosto sem a interferência de nada já existente na pele.

Ficar limpando o rosto constantemente.

O rosto deve ser lavado na medida certa. Nem a mais nem a menos. O excesso de limpeza é um pecado, pois dá o famoso efeito rebote na pele. O que é isso?

Você fica limpando tanto a ponto de a pele entender que tem que produzir mais sebo para hidratar porque está ressecada, causando mais espinha. Logo, o ideal é lavar o rosto duas vezes ao dia.

Exagerar na limpeza não faz bem.

Ficar tocando a espinha também não é bacana.

Como já dissemos a pele da mão possui uma microbiota diferente da do rosto e você levar a mão até a espinha aumenta a proliferação de bactérias no local e, com isso, a inflamação da própria espinha.

Não usar protetor solar.

Quando apresentamos espinhas devemos usar produtos secativos e esses produtos geralmente deixam a pele sensível, por isso ao serem colocados em contato com o sol podem deixar a região avermelhada ou manchada.

Por isso, o uso de filtro solar é indispensável. Procure sempre usar aqueles que são oil free, é claro.

Espremer espinhas.

As espinhas não devem ser espremidas, pois elas podem ficar mais inflamadas, gerando cicatrizes. O ideal é fazer uma limpeza de pele na esteticista.

Muitas vezes não conseguimos evitar as indesejáveis espinhas, mas podemos evitar piorá-las. Então, queremos que apesar de tê-las, vocês não as piorem. Há casos de dermatologista, viu. Essas são dicas básicas, mas existem situações que apenas eles conseguem solucionar.

Diogo Rufino Machado

Ariano. Apaixonado por moda masculina e música eletrônica. Advogado. Jornalista de moda e blogueiro nas horas vagas.

Deixe seu comentário:

Posts recentes

Dia dos Pais: Dicas de calçados para cada tipo de pai

O Dia dos Pais já está chegando e uma boa ideia de presente para o…

% dias atrás

CareUp: O procedimento que reduz até 10 cm das medidas em 1 sessão!

Já imaginou perder até 10 cm das suas medidas em apenas uma sessão? Parece mentira…

% dias atrás

Calçados revelam a personalidade das pessoas, diz estudo

Já falei por aqui sobre o "The Shoe Project", lembra? Ele é um projeto fotográfico…

% dias atrás

18 looks para usar no fim de semana

Está precisando de inspiração para os looks do fim de semana? Seja para ir para…

% dias atrás

Clean Beauty: Uma reflexão sobre a ‘beleza limpa’

No início da década de 90 começa a surgir nos EUA um novo conceito que…

% dias atrás

Como parecer mais alto usando truques visuais

Muitos homens têm dúvidas no momento de se vestir, isso é fato. Mas e se…

% dias atrás