blocos-de-rua-rio-de-janeiro-carnaval-20130126-61-size-598

Explode coração na maior alegria e felicidade… Pois o carnaval vem aí. Acredito que a maioria não consiga ficar parado e vai curtir o carnaval seja brincando, pulando, viajando, descansando ou tirando um tempo para si.

Ufaaa! O ano mal começou e já precisamos de folga. Será? Quem vai brincar o carnaval (meu caso!) aposto que vai voltar mais cansado ainda, como sempre. Porém, não vamos sofrer por antecipação, deixa rolar…

Para aqueles que estão a mil se preparando montando fantasias, comprando adereços, deixando os glitters prontos, nós temos umas dicas bem valiosas das fantasias para o carnaval.

Iremos listar 5 inspirações certas para se usar e 5 inspirações para passar longe.

Comecemos então por 5 inspirações para passar longe:

5 inspirações para passar longe nesse carnaval

que-nao-usar-carnaval

NEGA MALUCA.

O próprio nome já é racista, minha gente. Além de chamar de nega, ainda é maluca. Vai ter muita gente desavisada achando que é normal se vestir de negro.

Colocar cabelo black power e fazer black face com tinta preta é close errado.

A etnia negra não é fantasia para você se vestir e sair no carnaval. O cabelo, a pele e as características já foram objeto de muito racismo, preconceito e até de “inferioridade racial”.

Vamos refletir o que isso representa. E, com certeza, representa um ato discriminatório.

INDÍGENAS.

Quando tratamos do assunto indígena, logo vem à mente de muitos ignorantes as penas, que são utilizadas em muitas fantasias de carnaval.

Concordo plenamente que muitas fantasias possuem penas e isso não tem porque ser diferente. Pena é um adorno e adereço usado desde a pré-história.

Fantasiar-se de índio é bem diferente, é apropriar-se de uma cultura (por sinal, cultura é algo sério) e replicar literalmente as características deles com penas, cocares e pinturas.

Nenhuma cultura é fantasia, inclusive a deles. Repense.

LGBT.

Olha, desculpe-me, mas nunca vi ninguém se vestir de gay se não fosse com um ar de gozação e zoação.

O Brasil já é o país que mais mata LGBTs no Mundo e não precisamos nem falar que com o novo governo perdemos representatividade. Logo, fantasiar-se de LGBT não é engraçado, ainda mais para uma população que luta diariamente por respeito e igualdade.

Muçulmanos.

A onda de atentados pós World Trade Center em 2001 fez surgir uma nova onda de preconceito no Ocidente em relação aos muçulmanos. Pegamos tudo e enfiamos em um saco como terrorista, homem-bomba e Osama Bin Laden, mas as coisas não são bem assim.

Concordemos ou não com o uso da burca, com o Corão ou com as leis deles, não vamos generalizar: nem todo muçulmano é terrorista ou homem-bomba. Mesmo que fosse não é legal ou bacana você se deparar com pessoas vestindo-se de forma a desrespeitar a cultura de vocês. Então, fiquem ligados. Eu sei que, às vezes, não é por mal.

fantasia-homem-bomba

Japoneses.

Sim, há quimonos maravilhosos no mercado e roupas tradicionais da cultura japonesa cheia de detalhes, com bordado à mão e tecidos nobres. Tudo bem né gente, mas acontece que não são fantasias.

Logo, não é legal botar isso no corpo, achar lindo e sair desfilando. Roupa de japonês não é roupa de palhaço.

Primeiro passo para enxergar o erro é verificar se estamos tratando de uma etnia e de uma cultura. Poderíamos citar outras fantasias, tais como: ciganos, havaianos, judeus etc. Pense antes de se fantasiar.

5 inspirações bacanas que você pode usar e abusar sem ofender ninguém

fantasias-carnaval-criativas

Desenhos animados.

fantasia-halloween-criativa-lula

Olha que inspiração da hora. O mundo cinematográfico teve uma chuva de personagens nos últimos 100 anos. Então bora usar tudo isso como referência.

Minions, Peter Pans Mickey Mouses… Eu poderia ficar o dia todo só falando de personagens aqui. Inspiração é o que não falta!

Fantasias criativas.

fantasia-gina

Olha, essas daqui arrancam a minha admiração. É cada uma que inventam. Chicletes, cigarros, cervejas, camisinhas, no chuveiro, legumes … Já vi de tudo e, posso falar mais? São as mais bacanas. São muito da hora mesmo.

Só colocar o tico e teco para funcionar e dar asas à imaginação.

Relativas à internet.

travolta-confuso-fantasia

Porra, você não sai da frente do celular. Então, já aproveita e monta sua fantasia em cima disso. Memes, emoticons e personagens virtuais. Solta a criatividade que existe dentro de ti e se joga.

Personagens de filmes, novelas e seriados.

fantasia-criativa-halloween-i

Tem tanto filme, seriado ou novela de inspiração, que a coisa vai longe. Perdemos a conta de quantos personagens podemos imitar.

Só no Chaves, por exemplo, quantos são?

Temos também filmes como Star Wars e novelas bem de época, que remetem a personagens cuja vestimenta podem ser fantasias.

Último caso: brilhos, acessórios, glitters, cores e estampas.

fantasia-bloco-kiwi

Tem gente, assim como eu, que não gosta especificamente de criar uma fantasia. Mas não dá para ficar de fora e não entrar no espírito, né? Então vamos partir para outro lado e investir em camisetas com frases de efeito para a época, abadás, acessórios (chapéus e óculos divertidos), brilhos em pedrarias, brocais, glitters e muita purpurina.

Essa é a época de extravasar nas cores, na estampa e na alegria. Então bora cair na folia com alegria investindo em peças de roupa mais ousadas. Vale floral, animal print, neon e metalizados. Vale tudo, opss. Quase tudo! Não se esqueçam.

look-carnaval-unicorn

Esperamos que após essas dicas vocês tenham entendido o espírito da coisa. É se divertir, curtir e aproveitar sem ofender, machucar ou ridicularizar o outro. Lembrando aqui que isso não é coisa de gente chata, fresca ou mi mi mi. Entendimento cultural é coisa séria, RESPEITO mais ainda.

Escrito por Diogo Rufino Machado
Ariano. Apaixonado por moda masculina e música eletrônica. Advogado. Jornalista de moda e blogueiro nas horas vagas.