O Style Sight, site americano pago que fornece conteúdo de moda e consumo, além de previsão de tendências e comportamento, divulgou um estudo no mês de novembro sobre o Brasil: seu crescimento explosivo econômico e cultural, impulsionado pela Copa do Mundo de 2014, Olimpíadas de 2016, CopaVerde, entre outros eventos que  Brasil ganhou a oportunidade de ceder, e que terão suas infra estruturas totalmente sustentável e ecológica. Isso faz o Brasil disparar na frente, e  que vai possibilitar a entrada de mais estrangeiros no país, tornando-se o centro das atenções do mundo. Segundo cálculos do governo, o Brasil terá um crescimento de 5.8% anual de 2011 à 2014.

Neste informativo, que somam mais de 40 páginas, o site destaca quatro  importantes áreas que ajudam a formar a identidade nacional atual do país. São elas: arquitetura, artes, moda e design.

Falando de moda nacional, ele destaca o Fashion Rio e o SPFW por seu crescimento contínuo, o que possibilita que se insiram, aos poucos, na lista das principais semanas de moda do mundo. Nessas semanas de moda, a criatividade se explode e os consumidores ficam cada vez mais inteiramente em busca de talentos nativos, que ganham cada vez mais popularidade na cena internacional por suas cores vibrantes e um verdadeiro sentido de diversão, além dos tradicionais artesanatos com técnicas elevadas de construção, uma característica muito forte. Além disso, também destaca a modelo mais bem paga do mundo por ser brasileira, Gisele Bündchen, que influencia uma nova geração de modelos.

Os Influentes

Precursores

O site destaca três importantes Fashionistas que foram as primeiras a enxergar e investir na moda nacional quando os olhares daqui eram totalmente direcionados para fora. Lenny Niemeyer, a sobrinha do famoso arquiteto Oscar Niemeyer, é reconhecida por seu mérito próprio como rainha da moda praia brasileira. Lenny lançou sua marca exclusiva em 1993 e agora já possui 16 lojas em todo o Brasil. Reconhece a antiga influência de ideias importadas, mas acredita que a moda brasileira já encontrou sua base, cheia de personalidade própria. Constanza Pascolato se mudou da Itália para o Brasil ainda pequena e com o tempo ficou com a empresa têxtil que pertenceu a seus pais. Sua paixão pela moda se consolidou graças a consultoria para Vogue Brasil durante 30 anos e também criou sua própria linha de jóias. A consultora de moda Gloria Kalil também se tornou uma forte defensora da moda brasileira. Seu site Chic, é uma extensão digital de seus livros lançados e une moda, tendência, notícias e estilo urbano para os fashionistas brasileiros.

Jovens formadores de opinião

Esta parte apresenta alguns novos profissionais que já se destacaram por serem, de certa forma, os primeiros profissionais da área dessa nova geração “digital”. Ele cita José Camarano como um estilista e produtor autodidata. Em 2001 criou o Gema TV, um site que mostra os sucessos da moda mundial, além de estar na frente de alguns editoriais para as revistas Vogue e W e criar eventos badalados no meio das semanas de moda no Brasil. Da mesma maneira, Erika Palomino, citada como blogueira pelo site, já tem sua importância na moda contemporânea. Contribui com periódicos, revistas, rádio e TV. Seu blog faz críticas importantes sobre a moda nacional e internacional. Vitoria Ceridono é a editora de beleza da Vogue Brasil. Também é responsável pela parte de beleza no blog, onde apresenta as novas tendências de estética, conselhos práticos e resenhas dos últimos lançamentos de produtos.

Nomes de Peso

Alexandre Herchcovitch é citado como o precursor da moda contemporânea brasileira. No final da década de 1990 foi o primeiro estilista brasileiro a fazer parte da Fédération Française de la Couture. Junto com as de Paris, tem desfilado suas coleções na semana de moda de Nova York e São Paulo, ajudando a promover a moda brasileira no exterior. Suas estampas tradicionais de caveiras tiveram êxito com a cultura juvenil emergente dos anos 90. Suas colaborações com empresas grandes como Melissa Shoes, Micasa y Band-Aid potencializou sua reputação como líder em inovação e criatividade.

Jogo de Gerações

Pedro Lourenço é o estilista brasileiro que está na boca dos principais editores de moda de todo o mundo. Ele se apresentou na semana de moda de São Paulo e logo depois se graduou em paris onde foi esperada com ansiedade sua mais recente coleção. Com apenas 20 anos é um menino prodígio elogiado com aplausos por Anna Wintour e Carine Roitfeld. Pode ser que Pedro tenha tido um começo com certos privilégios, claro, por nascer no berço de dois estilistas muito importantes, Reinaldo Lourenço e Gloria Coelho. A característica de Reinaldo é, sem dúvidas, elegância feminina com cortes fortes e uso vibrante de cores e estampados, segundo StyleSight, que também destaca suas técnicas de cortes futuristas. O uso de técnicas experimentais e os blocos de cor de Gloria resultam em um enfoque mais conceitual. Com o êxito precoce de Pedro, parece que a veia fashion da família está destinada a continuar.

Aguarde, em breve, o post sobre as principais marcas brasileiras, segundo o estudo.






Escrito por Dhyogo Oliveira
Blogueiro e designer de moda. Também escreve no Sem Geração.