Começar, na vida, é sempre complicado. Requer coragem, informação e questionamento em qualquer atividade: trabalho, estudo, relacionamento…

Mas sabe de uma coisa? Pra qualquer destas opções só existe um pre-requisito essencial: DETERMINAÇÃO. Você pode estar aí viajando sobre vários outros, mas no final, desdobrados em 1.500 formas diferentes, os pré-requisitos ainda se reduzem a boa e velha determinacão.

Penso nisso toda vez que vejo o Shia LaBeouf interpretando. Atualmente com 24 anos e status de hot shot em Hollywood, o cara ganhou notoriedade com o filme “Paranóia” em 2007 e desde então só acumula respeito e espaço na indústria cinematográfica.

Capa da Revista GQ com Shia Labeouf

Shia entrega atuações intensas e verdadeiras desde sua estréia como protagonista de um filme para o público adulto (“Paranóia”). Muito se especulou sobre um ator pouco conhecido até 2007, protagonizar “Transformers” mas ele construiu um herói adolescente convincente e mergulhou no universo da infância de uma geração anterior a sua. Resultado? Sucesso de crítica, público e Megan Fox. Oi? (você pergunta) – Sim, com sorriso nos rosto, ele pegou “A” MEGAN FOX, amigo, diante do mundo todo.

O cara tem meu respeito por exibir um atributo em extinção: segurança legítima. Por obséquio, não confundir com arrogância ou pretensão, rapá! O cara é incisivo no seu trabalho para fazer o melhor e não forçar guela abaixo qualquer baboseira que ele faça.

Veja nas imagens de Shia fora das telas, andando de moto, skate, ou apresentando o Saturday Night Live tão cool e tranquilo quanto numa sessão de fotos ou numa prêmiação “gastando” aquele terno Armani.

Embora segurança seja construída por diversos fatores psicológicos, algumas coisas estão nas nossas mãos para ajudar, diante de um compromisso:

Preparação 1) – Local: Desculpa, mas se você é um corinthiano e não tem curiosidade de saber se seu ingresso pro jogo fica na Gaviões ou na Mancha verde, não reclama se voltar quebrado pra casa. É recomendável a quem vai a um compromisso estudar o local. Não chegar se desculpando por uma hora de atraso ou pálido por ter fugido de uma boca de fumo que você conheceu errando o caminho, podem ajudar seu estado psicológico em qualquer evento.

Preparação 2) – Estudar: OK, você não conhece profundamente a mulher, a empresa, a família da gata, mas pode mostrar uma ponta de interesse, né? Uma palavra pra você, campeão: GOOGLE. Uma pesquisinha boba vai te fazer chegar na entrevista sabendo se as ações da empresa estão em alta, que a família da gata mora na parte francesa e não inglesa do Canadá e outra série de informações fascinantes que podem faze-la confiar mais em você e render uma moral. Que se reverte em… faça os calculos.

Preparação 3) – Estar vestido dentro do contexto: Não estar de terno no show do NOFX ou de Crocks para conhecer o presidente da empresa ajudam demais na sua segurança. É surpreendente. Não precisa perder seu estilo, mas ter uma idéia da formalidade e demanda de esforço físico de um evento ajudam um tanto.

Veja o cara num look social:

Quem se prepara, sem dúvida tem mais tranquilidade, apesar de pouca idade ou experiência. Isso sim, é ser um cara “firmeza”. Acho que mesmo não estando mais com ele, a Megan Fox concorda.






Escrito por Daniel Blum