O sapato Oxford ganhou esse nome porque virou “febre” entre os estudantes da Universidade de Oxford, na Inglaterra, por volta do século 17. Durante muito tempo, o sapato Oxford foi associado aos homens, ao conservadorismo e ao tradicionalismo.

O que distingue o sapato oxford são suas marcas pelo sapato e principalmente o cadarço.

Seu uso é como o sapato comum, podendo ser combinado com roupa social, calça jeans, bermuda e muito mais. Ele serve como uma forma de diferenciar o look com um calçado clássico e que já pode ser encontrado em modelos mais modernos.

E como referência, aqui estão alguns looks masculinos do lookbook.nu usando o sapato oxford.

O que acha desse modelo de sapato?






Escrito por Guilherme Cury
29 anos, taurino, blogueiro e músico nas horas vagas. Criou o MPH há 7 anos com o objetivo de trazer as principais novidades do universo da moda masculina para o homem que se importa com o que veste.