Você já pensou como seria o cruzamento da sobriedade do estilo dândi com o colorido desta moda pop à la Restart? Pois saibam que este cross-over é natural dos homens, ou melhor, dos “sapeurs” de Brazzaville, República do Congo.

A “Sociedade dos Ambientadores e das Pessoas Elegantes” (SAPE em francês, num trocadilho com a palavra coloquial “sape”, que significa “roupa”) é uma tendência na moda popular que surgiu no meio jovem depois das independências do Congo-Brazzaville e do Congo-Kinshasa nos anos 60 e que caracteriza este estilo de vida de um dândi africano.

Os seus adeptos, chamados de “sapeurs”, se vestem com roupas de grife e desfilam na rua bem vestidos, competindo na originalidade e na imaginação. Estes homens, assim como os primeiros dândis, querem sim se destacar e de serem destacados por meio de suas vestimentas e uma atitude de imponência e de um eterno parecer. Ao contrário do mestre George “Beau” Brummel com suas golas altas e engomadas, a cartola e todo um novo traje masculino para o homem de sua época, aqui o destaque são as grifes de roupas luxuosas, a qualidade e as cores dos tecidos ou o brilho dos seus sapatos.

Este dandismo à Africana está muito bem registrado nas fotografias de Baudouin Mouanda cujo trabalho está na Aliança Francesa. Com um olhar apurado, este jovem congolês soube captar com precisão, sensibilidade e talento o jeito de viver dos “sapeurs” e nos convida a entrar neste desfile de moda inspirador.

Que tal ver estas fotos e nos contar o que achou?

Serviço:
Exposição “La Sape”
Local: Aliança Francesa – Unidade Jardins-Trianon – R. Min. Rocha Azevedo, 419
Período: 17 de janeiro a 4 de março de 2011
Horário: de segunda a sexta, das 9 às 20h30; sábados até 12h30
Entrada franca

Colaboração: Nana Soma.






Escrito por Moda para Homens
O Moda Para Homens é o maior blog de moda masculina do país. O nosso objetivo é mostrar que homem também tem que ter estilo.