É com muita alegria que venho estrear minha colaboração no moda para homens com um post sobre um dos meus acessórios preferidos: o cachecol. Sim, eu sei… o inverno já passou e as araras estão carregadas de primavera-verão, mas é importante – ainda mais para quem mora em SP (como eu) – estar preparado para um dia mais gelado.

O cachecol é um desses acessórios que me parece ser um tanto ‘tabu’ entre heterossexuais – por se tratar de um acessório extremamente charmoso e elegante, faz o cara parecer gay para alguns. Sem falar que com a infinidade de opções no mercado o cara mais inseguro acaba evitando.
Não pretendo ser um guia e nem ditar um jeito certo ou errado para usar um cachecol, mas acho válido passar pros nossos leitores algumas imagens e sugestões… afinal, um cachecol bem usado conta muitos pontos!

O cachecol é, geralmente, a peça de maior destaque. O interessante é construir o resto do look a partir do cachecol e não ao contrário. Ele vai ditar algumas regras, cores, texturas – siga o estilo que ele carrega!

Há diversas formas de amarrá-los e os mais comuns são: solto, com volta, ou nó nele mesmo:

Cachecol

No caso, o aberto é menos chamativo, e dá um ar super despojado. O que dá voltas esquenta um pouco e é mais atrevido, chama mais a atenção! Já o último é super quente e bem discreto, sem perder a elegância. E sobre as cores? Arrisque além do preto/cinza/azul! Conjuntos sem cor ganham vida com um cachecol mais colorido – mas cuidado para não virar uma paleta pantone! As cores devem ser bem pontuais. Repare como o look fica mais completo e ganha destaque:

Cachecol

Texturas diferentes também podem ser um ganho! Pontilhado, xadrez, listras, degradeé… na dúvida, compare sempre com o resto do look. Está demais, muito carnaval? Ou o look realmente exige algo de destaque? – Repare abaixo que no caso do look da esquerda há uma briga entre o cachecol e a calça, que recebe outra textura! Indigesto?

cachecol3

Do que ele é feito? Tricot de lã da vovó? Tecido fino, leve? Algum experimento? Tá valendo, só cuidado para não brigar com o casaco ou com a calça! O cachecol cobre a camiseta ou está entrando na blusa? Isso importa bastante para o impacto visual. Geralmente um cachecol colorido e de textura grossa leva uma posição de destaque ainda maior!

cachecol5

O cachecol voltou à moda há alguns anos, e continua em alta. Esteve presente em grande parte dos últimos desfiles e deu graça a coleções bem insossas. Deve ser usado tanto no ambiente formal quanto no informal – à noite, no dia a dia ou no trabalho (vai super bem com terno, colete – tanto para dentro quanto para fora)!
Eu prefiro enrolar o meu no pescoço, deixo as pontas para a frente mesmo, por cima de uma blusa, uma malha. Tenho cachecóis de lã feitos à mão e aqueles mais lisos, ambos vão bem! Como costumo vestir blusas de cores fortes, prefiro um cachecol mais neutro, ou seguindo a paleta, mesmo! Como tenho o pescoço comprido, o cachecol amarrado desse jeito acaba dando uma disfarçada, uma engordada. Experimente na frente do espelho os jeitos de amarrá-lo, cada corpo vai encaixar melhor a um tipo diferente.

O cachecol é definitivamente um acessório versátil. Só não se esqueça: ele pode mudar muito seu look, pode deixá-lo pesado ou mais leve/mais rigoroso ou mais despojado. Na hora de vestí-lo, não perca de vista o conjunto, o todo – e boa sorte na escolha!






Escrito por Moda para Homens
O Moda Para Homens é o maior blog de moda masculina do país. O nosso objetivo é mostrar que homem também tem que ter estilo.