Hoje é um dia esperado por quem gosta de cinema, devido ao lançamento de um filme que ganhou bastante destaque no festival de Cannes que aconteceu mês passado. Você já deve conhecer, trata-se de Na Estrada (On The Road), do diretor brasileiro Walter Salles que tem Kristen Stewart, Garrentt Hedlund e Sam Riley nos papéis principais e ainda Kristen Dunst e a brasileira Alice Braga compondo no elenco. O filme é adaptado do livro homônimo de Jack Kerouac, principal obra que retrata exatamente o que foi a geração Beat, tema principal do filme.

A geração beat foi um movimento jovem que surgiu pós segunda guerra. Eles foram os embriões dos hippies, influenciando esses últimos com algumas de suas ideologias como amor livre e pela natureza. Eles eram jovens artistas, poetas e estudantes que decidiram ser livres, e viver em oposição ao estilo de vida nos tempos de guerra. Muitos eram considerados nômades, outros fundavam comunidades livres e viviam sempre em busca da felicidade acima de qualquer coisa. Apoiavam a igualdade étnica e sexual, e absorviam para si elementos de diversas culturas (por isso muitos os consideravam hipsters: modernos demais para a época). Eles influenciaram toda uma geração posterior, a que fazem parte nossos pais, com seus discursos, literatura e sua música (“The Beatles” ganhou esse nome devido a forte influência da Geração Beat). O estudo dessa era jovem do final dos anos 50 vai muito além, e caso queira se aprofundar no assunto, vale a leitura de “Os Beats”, lançada em 2010.

Influenciando bem mais que a literatura, arte e a música, eles foram influenciadores do principal assunto deste post: a moda. Essa, até hoje – e principalmente hoje – há elementos que vieram desta geração, o estilo poderia ser definido como uma mistura entre o elegante e o hippie, porém com cores mais neutras (cinza, bege, marrom, preto) e menos estampas. No guarda-roupa do homem dessa geração, não podia faltar blusas com gola rolê, mistura de alfaiataria ajustada no corpo com elementos de streetstyle, meias coloridas, óculos escuros e gorros. Veja algumas imagens atuais com forte influência da geração Beat:

Aproveite a estreia do filme no final de semana, assista para se inspirar e fique atento no figurino. Eu já estou ansioso!






Escrito por Dhyogo Oliveira
Blogueiro e designer de moda. Também escreve no Sem Geração.